sábado, 16 de julho de 2011

How's the porcelain doll today?

She has her head a little bit broken today...

quinta-feira, 7 de julho de 2011

PorcelainE Dolls on the run


Bonequinha, bonequinha... onde estás tu? Onde foste? Existes ainda, ou exististe dia algum? Não terás tu passado de mera ilusão? Acreditaste mesmo que eras capaz de todo aquele vazio, de toda aquela futilidade? ... Um dia sentiste-te pairar, bonequinha, bonequinha... a vida parecia tão simples... tudo era tão leve! Procuravas por ti, não te achavas, sentias saudades de ti, mas não te preocupavas... estavas cansada de ti, bonequinha, bonequinha... Que bem que se estava pairando pelos ares, acima do comum dos mortais!! Que bem que se estava quando sabias que, fizesses o que fizesses, acontecesse o que acontecesse, desse lá por onde desse, corria sempre tudo bem... oh bênção!! Bonequinha, bonequinha... Não querias voltar, pois não, bonequinha, bonequinha... bonequinha pairadoira, acima do bem e do mal!! Quanto desejaste tu esse limbo que finalmente te fora concedido... dele desceste, bonequinha, bonequinha, não terias como não... agarraste-te com quantas forças tinhas, mas em vão...  Sentias falta de ti, sabias que te havias perdido em algum recanto, nalguma curva mais apertada e sinuosa da vida... mas que importava isso, pois se estavas cansada e apenas querias ser bonequinha bonequinha... mas não, não, tu procuravas. Sabias que estavas em algum lugar e procuravas por ti. Não te querias encontrar, não querias o reencontro, não, não... querias apenas descobrir quem por ali estava por nascer ... quiseste ver as entranhas, bonequinha, bonequinha... partiste a louça toda, bonequinha, bonequinha... virou trapo a porcelana?? Ou caco??




Quase caco, bonequinha, bonequinha... mas nãããooo, que a porcelana é da boa!! Trapo no coração, coração de trapo, foi-se a casca ficou a essência, em trapo... Trapo, isso, trapo autêntico e verdadeiro, que nada melhor que ir ao encontro do que interessa verdadeiramente... mas e a porcelana?? Volta que te perdoo, bonequinha, bonequinha... 



... mas do que aí vem não sabe ninguém...


Dressed in Porcelain

Feeling trapped inside all this porcelain... all the porcelain that used to set me free... but porcelain is ductile, it eases everything, oh I love porcelain... Oh I miss true porcelain... porcelain doll, where are you?

Where did you go? Where did your glamour and elegance go? Did they ever existed at all? Did you, porcelain doll, ever existed? ...


I feel I'm losing you... am I losing you?